Mamãe e bebê chegaram!

Nesse momento, eles deverão ficar juntinhos em muitos momentos. É assim que o bebê fica mais tranquilo. E a mamãe, também.

1 a 4 meses

Educação

No primeiro mês de vida, o bebê precisa de contato intenso com a mãe, pois é assim que ele começa a conhecer o mundo. Para que essa conexão se estabeleça de forma efetiva, mamãe e bebê devem ser acolhidos com atenção, cuidados e muito afeto.

A mãe deve aproveitar os momentos da troca, do banho e da amamentação para conversar, cantar baixinho, massagear o corpo do bebê e olhar em seus olhos. Essa “conversa” entre mãe e bebê ajuda na organização psicológica da criança e na construção de sua segurança afetiva.

Embora durma a maior parte do tempo, o bebê está se adaptando ao universo fora da barriga de sua mãe. Sua comunicação é por meio do choro: quando sente dor, fome, frio ou calor, fralda molhada e também quer carinho e contato físico. O bebê é competente, uma pessoa que vive grandes emoções, se expressa e precisa se movimentar. Por isso, observe o bebê. Quando não está dormindo, ele precisa do corpo da mãe e sabe como informá-la de suas necessidades e desejos.

Aproveite os momentos em que o bebê está acordado para desenvolver o seu desejo de comunicar e brincar. Fale com ele, interaja e não pare mais. Diga o nome dele, observe seus olhos atentos e sua forma de responder. Conte histórias curtas, ritmadas, em horários determinados. Mas, lembre-se: utilize sempre as palavras de forma correta, evite sempre a linguagem “tatibitati” (infantilizada).

Para acalmar o bebê, segure-o suavemente e ofereça o contato físico que ele necessita para se sentir amado e confiante.

Artigos Relacionados

Do tempo da vovó

Toda avó que se preze tem uma simpatia ou um remédio para cada problema. Alguns são apenas crendices, outros funcionam mesmo

Quem vai cuidar do bebê

Os custos e as economias em cada uma das soluções possíveis na hora de deixar o bebê com alguém: babá, creche ou ajuda de parentes

Como dar remédio ao bebê da maneira mais segura?

O mesmo medicamento que cura também pode prejudicar a saúde, se não forem tomadas algumas precauções.